Picaretagem quântica – o charlatanismo se apropriando de termos científicos. – Ilha de Java

Picaretagem quântica – o charlatanismo se apropriando de termos científicos.

Física quântica ou mecânica quântica a grosso modo é o estudo do comportamento das partículas atômicas ou pequenas partículas. Devido à complexidade matemática de alguns fenômenos que acontecem no mundo das partículas atômicas somada à descoberta de certas propriedades estranhas da matéria, muitas pessoas espertas andam se aproveitando desses assuntos  que são de difícil compreensão para a maioria das pessoas que não entendem de física para criarem novas crenças religiosas que prometem prosperidade na saúde, nos de negócios e como sempre, no amor…

As charlatãs e charlatões “quânticos” partem do princípio que todas as coisas que acontecem na nossa vida, acontecem da mesmo forma que acontece no mundo atômico. Ou seja, se um elétron passa intacto por uma parede, você também pode faze-lo, claro, desde que pra isso você tenha muita fé, dizem os charlatões quânticos, sim, afinal como não se pode medir a fé, sempre que um ensinamento passado por eles não funcionar, usa-se a desculpa que a fé não foi suficiente.

O principal pilar do charlatanismo “quântico” que é usado de forma incorrera para iludir as pessoas leigas é o experimento da fenda dupla, no tal experimento, um feixe de eletrons que bate no painel de cintilação ao fundo, quando medido, se comporta de um jeito(o tal colapso de onda), quando não medido, se comporta de outra , sim realmente isso acontece porem os charlatões ensinam por aí , adotando de forma deturbada a conjectura que Von Neumann esboçava que questiona se tal comportamento acontece porque nós pensamos nele, abrindo as portas para qualquer lunático esquizofrênico sair dizendo que se o eletron pode ser influenciado pelo pensamento, qualquer coisa também pode ser. O que eles não contam é que o feixe de eletron pode se comportar ora como onda , ora como partícula não pelo poder do pensamento mas sim pela medição. E por que isso acontece? Acontece pois na hora em que se mede o tal feixe , em condições controladas, usa-se fótons (luz) para se notar como as partículas agem, esses fótons interferem no comportamento do experimento da fenda dupla mas os charlatões te enganam dizendo que não, o experimento para ele prova que a mente pode fazer qualquer coisa com o mundo atômico. Ora bolas! Se isso fosse verdade e as coisas se comportam como eletrons, não seria necessário o experimento da fenda dupla para demonstrar isso, qualquer coisa poderia ser montada em condições específicas para provar o tal poder da mente, inclusive uma lâmpada elétrica, bastaria alguém pensar nos elétrons que passam pelo fio num laboratório e a luz da lâmpada oscilaria.

O gozado é que os charlatões usam os conceitos vagos e incompletos muito mal aprendidos da quântica para dizerem ao seu público de leigos que os métodos empregados pelos autores dessa matéria ineficientes mas que os deles são corretos e superiores. Isso seria o mesmo que dizer que Santos Dumont não sabia nada de aerodinâmica e que tudo que ele ensinava foi superado mas que você sabe tudo sobre aviação porem por algum capricho da vida que ninguém entende, você nunca foi capaz de criar um avião…  Quem quer estudar quântica, não tem que ficar estudando aquilo que os charlatões dizem mas sim o que um dos pais da matéria demonstra , no caso Niels Bohr, se quiser, também podem estudar os ensinamentos de Schrödinger.

Hoje em dia, o aluno de engenharia que deseja fazer uma pós em quântica terá muita dificuldade em pesquisar quântica na internet, afinal os macumbeiros “quânticos” se apropriaram do termo em questão, para se ter uma ideia,você poderá pesquisar e achar no Google pessoas que prometem ensinar o
tarot quântico, o sexo quântico, a medicina quântica, finança quântica, amarração quântica e todo tipo de bruxaria. Eles até prometem que farão um “salto quântico” na sua vida para que ela melhore… Cabe a quem quer aprender física quântica se perguntar: o que estão me ensinando pode ser usado no mercado de trabalho de alta tecnologia? Se a resposta for não, então lamento, você está sendo enganado.

 


http://www.javanunes.com/libertadores/picaretagem-quantica-o-charlatanismo-se-apropriando-de-termos-cientificos/